sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

13.2.15 - Bugnenets-Savagnières

A apenas 30 minutos de Neuchatel, nas montanhas de Jura, nos Alpes Suíços, descobri a estância onde o campioníssimo Didier Cuche treinava.
Não é uma tipica estância fancy suíça e está longe de ser confortável. Tem um restaurante e um café perdido no meio de uma pista. Mal conseguia encontrar sítio para alugar uns esquis e, como meios mecânicos, contém, apenas, saca-rabos. No meio das pistas, uma vacaria e os seus simpáticos habitantes.
O senhor que alugou os esquis, típico local, referiu que a neve estava dura, não sendo a melhor. Concordo; mas aqui se vê que ele já nasceu a fazer esqui e não teve que ir para pistas geladas e rapadas em Espanha ou, muito menos, ir de saco de plástico para a Serra da Estrela!
Bugnenets-Savagnières é uma estância de puro downhill, com pistas muito muito muito rápidas, de largura média, e com muitas lombas e curvas apertadas, colocando à prova toda a perícia do esquiador. Para terem uma ideia, tem apenas 30 km esquiáveis mas desses, 20 km eram de pistas pretas e vermelhas!
Cartazes de Cuche estão em todo o sítio, lembrando que a estância produz campeões; e vi vários miúdos a treinar para, quem sabe um dia, serem os representantes suíços no downhill mundial.
Não há aprés-ski mas numa bifurcação entre uma pista preta e duas vermelhas desfrutamos, numa esplanada, de um solzinho retemperador, uma sopa de legumes, batatas fritas e uma cerveja. Um petisco que custou apenas 17 euros!
Uma estância para quem  gosta de ski, de andar depressa, sem olhar a luxos. Uma estância bonita, com uma vista fantástica no topo.



Sem comentários:

Publicar um comentário